• INÍCIO
  • CONTATO
  • MÍDIA KIT
  • ANUNCIE NO BLOG
  • COMENTÁRIOS
  • MAPA DO BLOG
  • domingo, 10 de setembro de 2017

    Reguffe: "Remédios para câncer são nada?" - Deputado Laerte Bessa (PR/DF) "Diálogo aberto"

    Reguffe: "Remédios para câncer são nada?"
    O senador José Antônio Reguffe (Sem partido/DF) recebeu uma prestação de contas da Secretaria de Saúde sobre a aplicação de uma emenda do parlamentar ao orçamento da União para a compra de medicamentos. Com R$ 3,3 milhões, o GDF adquiriu 7 mil unidades de Sorafenibe, um medicamento quimioterápico, e 16,6 mil de Proporfol, anestésico importante para a realização de cirurgias. "Quero ver agora o que vão dizer os meus adversários políticos que criaram a falsa narrativa de que meu mandato só economiza e não faz nada. Remédios para câncer são nada?", indaga.
    Tricotando
    Elas foram muito amigas, mas andaram bem afastadas. Agora voltaram às boas e o tema que as une também é a política. Karina Rosso é subsecretária de Pequena e Micro Empresa do DF e Liliane Roriz (PTB) pretende concorrer a novo mandato de distrital ou, quem sabe, algo mais, se conseguir a elegibilidade de volta. Karina tem aparecido nas inserções do PSD.

    Diálogo aberto
    O deputado Laerte Bessa (PR/DF) tem encontro marcado amanhã com Rodrigo Rollemberg (PSB) no Palácio do Buriti. O governador ligou para fazer o convite com o intuito de discutir a proposta de Bessa  de federalização da segurança pública do DF. São dois projetos sobre o tema em tramitação no Congresso: a PEC 336, de autoria de Bessa, que transfere a gestão dos recursos da segurança para o governo federal e quatro emendas com esse enfoque à Medida Provisória 782, que estabelece nova estrutura para a Presidência da República e para os ministérios. “Vamos também tratar da paridade da Polícia Civil com a PF”, conta Bessa. Depois do pedido de trégua, os dois políticos começaram a dialogar

    Bike bus
    A Comissão de Viação e Transportes da Câmara dos Deputados aprovou proposta que permite às empresas de transporte coletivo instalar suportes para bicicleta em seus ônibus. Os veículos poderão carregar as bikes na frente ou na parte traseira e passarão a ser chamados de "bike bus". Proposta do ciclista Rogério Rosso (PSD/DF), que já fez seguidores no partido, embora nenhum dos dois use transporte coletivo.



    Por Ana Maria Campos – Coluna “Eixo Capital” – Fotos: Minervino Júnior/CB/D.A.Press – Correio Braziliense

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    imagem-logo
    © Blog do CHIQUINHO DORNAS 2012/2016 Todos os direitos reservados.